Notícias

mais notícias
  1. Audiência com Paulo Macedo

    APMGF defende alterações na política direcionada para os CSP

    Uma delegação da APMGF, liderada pelo presidente, Rui Nogueira, foi recebida no dia 25 de fevereiro pelo Ministro da Saúde, Paulo Macedo. No decurso do encontro - em que estiveram também presentes o Secretário de Estado Adjunto do Ministro da Saúde, Fernando Leal da Costa, o vice-presidente da APMGF, ...

    Ler mais
  2. XXV Jornadas de MGF de Évora

    Líderes da APMGF reúnem-se na celebração dos 25 anos

    O atual presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF), Rui Nogueira, encontrou-se com os quatro anteriores líderes da Associação – Mário Moura, Luís Pisco, Eduardo Mendes e João Sequeira Carlos – para a celebração dos 25 anos das ...

    Ler mais
  3. Tema chave no 32º EN

    Inteligência emocional é indispensável nas organizações da saúde

    O conceito da inteligência emocional tem estado nas bocas do mundo recentemente, sendo apontado como um ingrediente chave para trabalhar bem dentro de organizações complexas, que obrigam a constantes e delicadas relações interpessoais, como acontece nos serviços de saúde. Mas, afinal, o que ...

    Ler mais

Eventos

Faça já a sua inscrição no 32º Encontro Nacional!

05 de Março de 2015 07-03-2015

Está disponível a plataforma para inscrição no 32º Encontro Nacional. Não perca tempo e concretize o seu registo no grande evento anual da Medicina Geral e Familiar, através deste formulário on-line.

Entretanto, pode também consultar aqui o programa definitivo da iniciativa.

O 32º Encontro Nacional, que se realizará entre 5 e 7 de março deste ano, no Centro de Congressos do Estoril, está ao virar da esquina! Com toda a segurança, o 32º Encontro Nacional será um acontecimento memorável no calendário de eventos dedicados à especialidade de Medicina Geral e Familiar, aos cuidados de saúde primários e ao sector da saúde em geral.

Desde logo, na dimensão clínica, destacam-se seis sessões, a maioria delas à prova de bala, em termos de conflitos de interesses. Assim, destaque para a sessão sobre “Novos tratamentos em Diabetes”, na qual participará o médico de família e docente universitário Luiz Miguel Santiago. Haverá também espaço para os temas da “Disfunção Sexual Masculina”, da “Anticoagulação Oral” e dos “Cuidados Respiratórios Domiciliários”, sendo que este derradeiro assunto tem gerado acesa discussão nos últimos meses, face às transformações sentidas no dispositivo de saúde do SNS e nas formas de prescrição deste tipo de tratamentos hoje à disposição dos médicos de família.

Deveras interessante será, com toda a certeza, a sessão dedicada aos “Novos Tratamentos na DPOC Estável”, na qual participará Carlos Robalo Cordeiro, Presidente da Sociedade Portuguesa de Pneumologia, lado a lado com colegas das Medicina Geral e Familiar.

Ainda no campo clínico, destaque-se a realização da sessão “Gestão da Dor Crónica”, para a qual concorrerá Paulo Pina, internista com Competência em Medicina da Dor pela Ordem dos Médicos, atualmente a trabalhar na Unidade de Cuidados Paliativos da Casa de Saúde da Idanha.

A conferência de abertura será proferida pela Prof.ª Helena Marujo, docente do ISCSP e coordenadora executiva do Mestrado para Executivos em Psicologia Positiva Aplicada, que fará uma apresentação dedicada ao tema que enforma o EN: "Pensar Positivo, Trabalhar em Equipa".

Reflexão alargada sobre as condições de exercício da Medicina Familiar

Embora o 32º Encontro Nacional vá conhecer uma forte tónica técnico-científica, não deixará de dar continuidade à tradição deste tipo de eventos, com a inclusão de um vasto conjunto de sessões e debates sobre temas sócio-profissionais, sendo que na maioria dos casos a Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) preferiu organizar as mesas em colaboração com outras instituições congéneres. Assim acontecerá na sessão a organizar em conjunto com a Associação Nacional de Unidades de Saúde Familiar (USF-AN), intitulada “USF como Organização Positiva”, na qual marcarão presença três representantes daquela associação multi-profissional: o médico de família e coordenador da Unidade de Saúde Familiar Serra da Lousã, João Rodrigues, o enfermeiro Manuel Oliveira e Joana Pessoa. É importante referir, também, a sessão “Medicina Humanitária”, a realizar em parceria com a organização não governamental «Saúde em Português», que terá contribuições de três elementos da equipa da «Saúde em Português»: o presidente da organização, Hernâni Caniço, a socióloga Ana Rita Brito e o médico Ricardo Marquez. Outra entidade externa que colaborará com a APMGF na organização do evento será o Centro de Estudos de Medicina Geral e Familiar, através da sessão “Investigação: Porquê e Para Quê?”. No âmbito sócio-profissional estão já consolidados outros dois debates, centrados na “Inteligência Emocional” e na controvérsia em torno da “Emigração e Desemprego Médico”. Para este último debate, em particular, a APMGF convidou o Bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva. Na mesa estarão ainda Rui Nogueira e Nuno Jacinto (Presidente e Secretário da Direção da APMGF, respetivamente), além de Henrique Botelho (dirigente da FNAM) e Diana Fernandes (membro do Conselho Nacional do Médico Interno).

Os workshop a realizar durante os três dias do Encontro Nacional serão para todos os gostos e perfis profissionais. Realce para os workshop “Ética e Deontologia em MGF” - a cargo do Núcleo de Bioética e Ética Médica da APMGF - “Medicina Dentária/Patologia Oral”, "Medicina Centrada na Pessoa" e "5 Desafios do Binómio Orientador/Interno", estes últimos dois promovidos pela ADSO. Isto para além de três workshop desenhados por parceiros de longa data da APMGF, a Rede Médicos Sentinela, a Associação Portuguesa de Grupos Balint e o Movimento Vasco da Gama.

Ler mais
publicidade